Fechar
Metadados

Tipo da ReferênciaReport
Identificador6qtX3pFwXQZ3ukuKE/CD8bp
Repositóriosid.inpe.br/sergio/2004/07.02.14.36
Metadadossid.inpe.br/sergio/2004/07.02.14.36.16
Sitemtc-m12.sid.inpe.br
Número do RelatórioINPE-10791-RPQ/759
Código do Detentorisadg {BR SPINPE} ibi 8JMKD3MGPCW/3DT298S
Chave de CitaçãoRudorffBeXaMoDuRoSh:2004:AnSa20
Autor1 Rudorff, Bernardo Friedrich Theodor
2 Berka, Luciana Miura Sugawara
3 Xavier, Alexandre Cândido
4 Moreira, Mauricio Alves
5 Duarte, Valdete
6 Rosa, Viviane Gomes Cardoso
7 Shimabukuro, Yosio Edemir
Identificador de Curriculo1 8JMKD3MGP5W/3C9JGKP
2
3
4 8JMKD3MGP5W/3C9JHT4
5 8JMKD3MGP5W/3C9JJAU
6
7 8JMKD3MGP5W/3C9JJCQ
Grupo1 DSR-INPE-MCT-BR
2 DSR-INPE-MCT-BR
3 DSR-INPE-MCT-BR
4 DSR-INPE-MCT-BR
5
6
7 DSR-INPE-MCT-BR
TítuloEstimativa de área plantada com cana-de-açúcar em municípios do estado de São Paulo por meio de imagens de satélites e técnicas de geoprocessamento: ano safra 2003/2004
Ano2004
InstituçãoInstituto Nacional de Pesquisas Espaciais
CidadeSão José dos Campos
Palavras-Chaveestatísticas agrícolas, cana-de-açúcar, geoprocessamento.
ResumoAs estatísticas agrícolas geradas pelos órgãos oficiais, atualmente, não se beneficiam plenamente dos avanços na área de sensoriamento remoto. Em geral, estes órgãos utilizam métodos subjetivos para estimar a produção agrícola (Pino, 2001). Uma alternativa para suprir esta deficiência consiste no uso de imagens de satélites de observação da terra, também conhecidas por imagens de sensoriamento remoto. Os órgãos oficiais têm interesse em incorporar as novas tecnologias do sensoriamento remoto e do geoprocessamento em seus procedimentos de geração de previsão e estimativa de safra; contudo, ainda não se dispõe de métodos operacionais que utilizem as imagens de sensoriamento remoto, a fim de estimar a área plantada em grandes regiões. No passado, foi transmitida a ideia de que estas imagens poderiam resolver um grande número dos problemas ligados ao levantamento de informações para previsão de safra. Com o passar do tempo, esta expectativa foi frustrada e precisa ser resgatada através da demonstração da viabilidade de se utilizar novos métodos de análise que efetivamente contribuam na melhoria das estimativas de safras agrícolas. Certamente já foi aprendida a lição de que o sensoriamento remoto é muito relevante, porém é apenas uma das várias componentes do sistema de previsão de safra. O Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE), através da sua Divisão de Sensoriamento Remoto (DSR), reúne capacitação técnico-científica para desenvolver e adaptar métodos que podem monitorar e melhorar a geração das estimativas de área plantada, por meio de imagens de sensoriamento remoto, para as grandes culturas agrícolas. Dentre elas destaca-se a cultura da cana-de-açúcar que possui características favoráveis para sua identificação nas imagens de satélites, por ser uma cultura semi-perene plantada em grandes áreas (Mendonça et al., 1986). É incontestável que o levantamento da área plantada com cana de- açúcar, por meio do seu mapeamento em imagens de satélite, trás inúmeros benefícios, quando comparado aos resultados de métodos subjetivos. Os mais relevantes são: a) obtenção de mapas temáticos, contendo a distribuição espacial da cultura, uma informação importante no planejamento e monitoramento do meio ambiente; b) maior confiabilidade e rapidez na obtenção das informações; c) a informação de área é obtida de feições concretas, observadas na imagem pelo analista; d) o trabalho de campo, para coleta de dados sobre a cultura, é muito reduzido. Além disso, o mapa temático com a distribuição espacial da cana é uma fonte de informação imprescindível nos estudos relacionados à estimativa de área, por meio de técnicas de amostragem. Neste sentido o presente projeto tem por objetivo mapear as lavouras de cana-de-açúcar destinadas para a safra 2003/2004 e as de cana planta para a safra 2004/2005, por meio de imagens de satélites de sensoriamento remoto, em nível municipal para todo o Estado de São Paulo.
Número de Páginas47
Idiomapt
TipoRPQ
DivulgaçãoNTRSNASA; BNDEPOSITOLEGAL.
AreaSRE
Tamanho7131 KiB
Número de Arquivos99
Arquivo Alvopublicacao.pdf
Última Atualização2019:08.28.15.18.36 sid.inpe.br/banon/2001/04.06.10.52 sergio
Última Atualização dos Metadados2019:08.28.15.19.15 sid.inpe.br/banon/2001/04.06.10.52 sergio {D 2004}
Estágio do Documentoconcluido
É a matriz ou uma cópia?é a matriz
e-Mail (login)sergio
Grupo de Usuáriosadministrator
jefferson
sergio
Detentor da CópiaSID/SCD
Visibilidadeshown
Transferível1
Acervo Hospedeirosid.inpe.br/banon/2001/04.06.10.52
Estágio do Documentonot transferred
Repositório de Direitos Autoraisurlib.net/www/2012/11.12.15.10
Permissão de Leituraallow from all
Unidades Imediatamente Superiores8JMKD3MGPCW/3ER446E
Conteúdo da Pasta source
publicacao.pdf 28/08/2019 12:19 2.0 MiB
Conteúdo da Pasta agreement
TERMO DE DEPOSITO ASSINADOBERNARDO FRIEDRICH THEODOR RUDORFF PRODUÇÃO CIENTIFICA.pdf 28/08/2019 12:18 756.4 KiB 
Histórico2006-09-03 22:19:38 :: administrator -> jefferson ::
2010-07-07 19:07:10 :: jefferson -> administrator ::
2013-09-13 23:08:36 :: administrator -> marciana :: 2004
2016-08-24 13:59:06 :: marciana -> administrator :: 2004
2018-06-05 00:40:51 :: administrator -> marciana :: 2004
2019-08-28 14:52:18 :: marciana -> sergio :: 2004
Campos Vaziosaffiliation archivingpolicy archivist callnumber contenttype creatorhistory date descriptionlevel doi e-mailaddress edition electronicmailaddress format isbn issn label lineage mark mirrorrepository nextedition notes orcid parameterlist parentrepositories previousedition previouslowerunit progress project readergroup rightsholder secondarydate secondarykey secondarymark secondarytype session shorttitle sponsor subject tertiarymark tertiarytype translator url versiontype
Data de Acesso23 nov. 2020
atualizar 

Fechar