Fechar
Metadados

%0 Thesis
%4 sid.inpe.br/iris@1912/2005/07.19.22.22.20
%2 sid.inpe.br/iris@1912/2005/07.19.22.22.30
%F 3188
%A Ferreira, Marcos Cesar,
%T Dados de sensoriamento remoto e parâmetros do meio físico aplicados à regionalização de bacias hidrográficas
%D 1991
%E Kux, Hermann Johann Heinrich (orientador/presidente),
%E Valério Filho, Mário,
%E Sausen, Tânia Maria,
%E Koffler, Natálio Felipe,
%8 1991-10-03
%J Remote sensing data and environmental parameters applied to drainage basins regionalization
%I Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE)
%C Sao Jose dos Campos
%K estudos integrados do meio ambiente, bacia Ribeirão do Feijão (SP), bacias hidrográficas, cobertura vegetal, mapeador temático (LANDSAT), satélites LANDSAT, thematic mappers (LANDSAT), LANDSAT satellites, vegetation cover, watersheds.
%X Este trabalho apresenta uma proposta metodológica para a regionalização de bacias hidrográficas que não dispõem de dados de vazão fluvial. A regionalização sugerida é baseada no levantamento dos seguintes parâmetros hidrológicos de superfície das bacias: coeficiente de cobertura vegetal (CCV), coeficiente médio de impermeabilidade (CMI) e fator topográfico (FTP). O parâmetro CCV é obtido através de processamento e classificação digital de imagens TM-LANDSAT, onde é mapeado o índice perpendicular de vegetação (IPV). O parâmetro CMI é obtido pela reclassificação qualitativa das unidades pedológicas das bacias segundo um fator de impermeabilidade. O parâmetro FTP é obtido através da análise morfométrica das bacias hidrográficas, onde são considerados o índice de circularidade, a frequência de canais de primeira ordem e a relação de relevo. Estes três parâmetros, são utilizados para a classificação das bacias hidrográficas segundo o método da análise de agrupamento pela distância euclidiana. Como resultado final da metodologia proposta, e apresentada uma regionalização das bacias hidrográficas que poderá ser avaliada futuramente segundo a relação entre a vazão máxima e a vazão média de cada região homogênea obtida. Utilizou-se como área-teste a Bacia do Ribeirão do Feijão, afluente do Rio Jacaré-Guaçú, próxima da cidade de São Carlos-SP. ABSTRACT: This study presents a methodology to regionalization of watersheds where runoff data are not available. The proposed classification is based on the following watersheds parameters: vegetation cover coefficient (CCV), average impermeability coefficient (CMI) and topographic factor (FTP). CCV is obtained by processing and digital classification of TM-LANDSAT image, using the perpendicular vegetation index (IPV). CMI is obtained by a qualitative reclassification of soiI units using an impermeability factor. FTP is obtained by the morphometric analysis of watersheds using the circularity index, the frequency of first order channels and the relief ratio. The CCV, CMI e FTP parameters are used to classify watersheds according to the cluster analysis method. The final result presents a regionalization of watersheds that should be evaluated, by ratio of the maximum and average runoff of each homogeneous region defined.
%P 160
%@language pt
%9 Dissertação (Mestrado em Sensoriamento Remoto)
%3 publicacao.pdf


Fechar