Close
Metadata

%0 Thesis
%4 sid.inpe.br/marciana/2003/04.10.08.37
%2 sid.inpe.br/marciana/2003/04.10.08.38
%A Baptista, Marlos Carneiro,
%T Uma análise do campo de vento de superfície sobre o Oceano Atlântico Tropical e Sul usando dados do escaterômetro do ERS
%D 2000
%E Stech, José Luiz (orientador/presidente),
%E Lorenzzetti, João Antônio (orientador),
%E Nobre, Paulo,
%E Ferreira, Nelson Jesus,
%E Machado, Luiz Augusto Toledo,
%8 2000-06-20
%J An analysis of the surface wind field over tropical and South Atlantic Ocean using ERS scatterometer data
%I Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE)
%C São José dos Campos
%K sensoriamento remoto, medição de vento, Oceano Atlântico, buoys, interpolação, climatologia, remote sensing, wind measurement, buoys, interpolation, climatology.
%X Campos médios e de desvio padrão mensais do vento à superfície do Oceano Atlântico, setor 20º N à 40º S foram gerados a partir dos dados do escaterômetro do ERS 1/2. Os dados foram obtidos junto ao IFREMER para o período de dezembro de 1991 a novembro de 1998. Este trabalho avaliou a variabilidade temporal e espacial do campo de vento para esta região. Os dados originais (direção e velocidade do vento) foram primeiro convertidos para componentes zonal e meridional. Bloco de dados do escaterômetro correspondentes a três dias foram usados para a interpolação em uma grade geográfica regular de 1º x 1º. Uma interpolação espacial simples, envolvendo um processo iterativo com correção de valores médios de erros ponderados foi utilizada. Uma avaliação deste algoritmo foi feita comparando o resultado com ventos medidos pelas boias do projeto PIRATA e os dados de ventos de reanálises do NCEP. As diferenças RMS da intensidade do vento da bóia - escaterômetro (P-S) e boia - NCEP (P-N) foram: 0;35W (P-S=1.13 m/s; P-N=1.11 m/s); 10S;10W (P-S=0.72 m/s; PN= 1.83 m/s) e 15N;38W (P-S=0.99 m/s). Os resultados dos campos de vento descrevem as principais feições dos ventos alísios de Sudeste e Nordeste. A ITCZ e o centro de alta pressão semi-permanente nos sub-trópicos são claramente detectados nos campos médios. Uma migração meridional e sazonal do centro de divergência dos ventos na região da bifurcação da Corrente Sul Equatorial foi observada nos dados, com possível implicação no deslocamento da região de formação da Corrente do Brasil ao longo do ano. O harmônico anual é o sinal mais forte presente nos dados de vento nos trópicos; as regiões com altos harmônicos anuais estão associadas com a máxima migração meridional da ITCZ. ABSTRACT: Monthly mean and standard deviation values of surface winds of the Atlantic Ocean sector from 20º N to 40º S were generated from the ERS 1/2 scatterometer data. The data was obtained from IFREMER and covers the period from December 1991 to November 1998. The objective of this effort was the analysis of the spatial and temporal variability of the wind field for the region. The original data (wind direction and speed) were first converted into zonal and meridional components. Three day blocks of scatterometer data were used for the interpolation into a regular 1º x 1º geographic grid. A simple spatial interpolation that uses an iteration procedure with a correction of mean value of weighted errors was implemented. An evaluation of this algorithm was done comparing the interpolated results with winds measured by the buoys of the PIRATA project array and the wind data from the NCEP reanalysis. The rms differences of buoyscatterometer (P-S) and buoy-NCEP (P-N) wind magnitudes for 1998 were: 0;35W (PS= 1.13 ms-1; P-N=1.11 ms-1); 10S;10W (P-S=0.72 ms-1; P-N=1.83 ms-1) and 15N;38W (P-S=0.99 ms-1). The resulting wind fields describe the main features of Southeast and Northeast trades, with the ITCZ and semi-permanent high pressure system in the subtropics clearly detected. A meridional and seasonal migration of the center of the wind divergence in the South Equatorial Current region was observed in the scatterometer data. This could imply in a seasonal migration of the Brazil Current formation region. The annual harmonic is the strongest signal present in the wind data in the tropics; the regions with highest annual harmonic are associated with the maximum seasonal meridional migration of the ITCZ.
%P 131
%@language pt
%9 Dissertação (Mestrado em Sensoriamento Remoto)
%3 publicacao-7.pdf


Close